Prefeitura conclui licitações e autoriza pavimentação no Santa Luzia e Barra da Tijuca

A Prefeitura planeja iniciar até março as obras de drenagem e pavimentação do Complexo Vila Nasser, etapa A, que abrange uma região do Santa Luzia. O prefeito Marquinhos Trad homologou a licitação que teve como vencedora a Equipe Engenharia. Serão investidos R$ 14.784.062,82 na pavimentação de 21 ruas, somando uma extensão de 9 quilômetros e o recapeamento das ruas Dr. Miguel Vieira Ferreira, São Ramão e Santa Rosa.

Está prevista a execução de 655 metros de drenagem (já foram implantados 3.262 quilômetros), um piscinão para reter as águas pluviais. O piscinão  será construído em uma área de 5 mil metros quadrados, com capacidade para reter 10 mil metros cúbicos de águas pluviais. A bacia de retenção vai segurar a enxurrada que desce da parte alta do Santa Luzia e Vila Nasser. Deste ponto, escoará pela rede existente até a Avenida Miguel Vieira e desembocará no Córrego Imbirussu.

Segundo o  secretário Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos, Rudi Fiorese, o processo licitatório será encaminhado para análise da Caixa Econômica Federal, que então, vai autorizar a assinatura da ordem de serviço. A disputa na licitação reduziu em R$ 2,2  milhões,13.34% ,  o orçamento de referência, fixado em R$ 17.059.903,64.

A obra no Santa Luzia chegou a ser retomada em 2017, mas acabou interrompida porque a empreiteira vencedora da primeira licitação pediu rescisão de contrato.  Foi preciso refazer a planilha original (feita em 2014), promover readequações no projeto antes da nova concorrência.  As empresas terão até o dia 20 de setembro para entregar as propostas.

Ruas  que serão pavimentadas

São Benedito, São Carlos, São Gregório, Adolfo Barbosa, Flávio Pedra, Santa Ana, Santa Barbara/Marcilio Cardoso, Santa Cristina, Santa Efigênia, Santa Emilia, Santa Gertrudes, Santa Isabel, Santa Madalena, Santa Marta, Santa Mônica, Santo Agostinho, Santo Anastácio, Santo André, Santo Onofre e Rua São Manoel.

Ruas que serão recapeadas

Rua Santa Rosa; São Ramão e Rua Drº. Miguel Vieira Ferreira

Barra da Tijuca

Também nesta quarta-feira (4), foi homologada a licitação para as obras de pavimentação do Barra da Tijuca Etapa B.  A Meta Construtora venceu a disputa com o orçamento de  R$ 970.905,33  para  executar  1 quilômetro de pavimentação, além de drenagem. O projeto complementa a etapa A que também prevê 1 quilômetro de pavimentação, 456 metros de drenagem, com  investimento de  R$ 900.271,13.  Nas duas etapas o investimento será de R$ 1.871.176,46 23, sendo R$ 1,7 milhão de recursos do Ministério da Integração Nacional e o mais R$ 187 mil de contrapartida.

Segundo o secretário de Infraestrutura e Serviços Públicos, Rudi Fiorese, o projeto prevê a pavimentação de trechos das ruas Visconde de Suassuna; Tabira; Alfredo Lisboa; Visconde de Boa Vista; Bartolomeu Mitre e Severino Pinheiro.

A execução de 2,1 quilômetros de pavimentação no Barra da Tijuca foi viabilizada com recursos de uma emenda parlamentar de 2016 do então deputado federal Luiz Henrique Mandetta. O prefeito Marquinhos Trad mais de uma vez esteve no Ministério da Integração Nacional, em Brasília, para que o convênio não fosse rescindido e o recurso perdido. No final do ano passado,  a Prefeitura assinou contrato com a Caixa Econômica Federal.