Projetos de esporte e arte da Reme atenderam 50 mil alunos este ano

O balanço Divisão de Esporte, Arte e Cultura (Deac), da Rede Municipal de Ensino, apresentado na noite deste sábado (30), em evento no Centro de Convivência “Vovó Ziza”, com a presença do prefeito Marquinhos Trad e da secretária municipal de Educação, Elza Fernandes, revelou que pelo menos 50 mil alunos foram contemplados este ano com os projetos e ações esportivas e culturais organizados pela Deac. Entre os principais estão os Jopares, Jeres, Ginástica de Gala, além dos eventos que valorizaram as artes cênicas, dança e música, como a terceira edição do “Prêmio Helena Meirelles”, voltado a divulgação da música instrumental.

Entre os projetos, os voltados à área de esportes mobilizaram mais de 15 mil crianças das unidades da Reme. As ações, organizadas pela Deac e coordenada pela Superintendência de Gestão de Políticas Educacionais, tiveram como objetivo proporcionar a confraternização dos alunos e revelação de novos talentos.

No balanço apresentado pela equipe, a Deac computou 68 eventos na área esportiva e 11 na área de Arte e Cultura. Pela equipe técnica foram 29 apresentações em escolas do Ensino Fundamental e 21 nas escolas de Educação Infantil.

Só o projeto Esporte Escolar atendeu cerca de 15.954 crianças nas diversas modalidades individuais e coletivas, em 85 escolas e 15 Escolas Municipais de Ensino Infantil  – EMEIS.

Na área de Arte e Cultura da REME, os projetos da Divisão atenderam cerca de 4 mil alunos, nas diversas linguagens artísticas, atuando em 67 escolas e 18 EMEI’S, contando com 118 professores.

Homenagens

Além da apresentação do balanço, professores que atuam nos projetos, realizados no contra turno das aulas, também foram homenageados com troféus como forma de reconhecer o trabalho desenvolvido durante o ano.

Profissionais de todas as modalidades e linguagens escolheram três professores que se destacaram em sua área de atuação.

Por meio de aulas extracurriculares, os projetos acontecem no contra turno escolar em diferentes modalidades esportivas, coletivas e individuais, bem como possui diversas atividades nas linguagens artísticas de artes visuais, audiovisual, circo dança, musica e teatro.

As atividades esportivas e artísticas oferecidas nos projetos caráter educacional, tendo como objetivo o desenvolvimento integral da criança e do adolescente, de forma a favorecer a consciência do corpo, de explorar limites, aumentar as potencialidades, desenvolver espírito de solidariedade, de cooperação mútua e de respeito pelo coletivo.

O chefe da Deac, Marcos Lopes, destacou que o aumento da quantidade de horas dos professores para os projetos proporcionou melhor rendimento para os alunos. Ele mencionou que os estudantes elevaram o nível esportivo nos jogos escolares.

“A Deac este ano melhorou muito devido ao aumento da carga horária. Atendemos mais de 50 mil crianças em todas as modalidades. Foi um ano muito produtivo, tendo nossas escolas chegando em várias finais de jogos escolares em diversas modalidades e vamos representar o estado de Mato Grosso do Sul no ano que vem. Isso foi uma melhora muito grande, na parte de produção em que os alunos entenderam que é necessário ter participação melhor em sala de aula para poder também um maior rendimento na prática esportiva, cultural e artística”, ressaltou.

A professora Rosemary Marega de Souza, que trabalha na Rede Municipal há mais de cinco anos, nas escolas “Darthesy Novaes Caminha” e “Nerone Maiolino” e desenvolve atividades de atletismo e futsal, foi umas das professoras destaque no evento.

“Me deixou surpreendida. É uma alegria imensa. Esse prêmio vejo que é de grande relevância para cada professor que recebeu e até mesmo para quem não recebeu. É  uma forma de sermos reconhecidos e de buscar cursos, formações, para que possamos sempre dar o nosso melhor para os alunos e alunas. O projeto nos proporciona tudo isso. O aumento da carga horário foi de extrema importância. Colhemos frutos significativos, pois hoje as escolas estão entre as primeiras nosso campeonatos. Temos mais incentivo e motivação.”, enfatizou.