O ano começou ruim: Saída precoce do Corinthians na Libertadores 2020

Após derrota no jogo de ida, triunfo por 2 a 1 nesta noite não foi suficiente para o Timão se classificar na primeira fase da competição

Saída precoce para o Corinthians na Libertadores 2020. Na noite desta quarta-feira (12), o Timão venceu o Guaraní-PAR por 2 a 1, na Arena, mas acabou se despedindo da competição ainda na fase prévia por ter perdido o jogo da ida por 1 a 0.

Precisando da vitória, a equipe comandada por Tiago Nunes partiu para o ataque logo de cara e abriu o placar ainda aos oito minutos do primeiro tempo. De fora da área, Luan chutou de canhota e marcou. O time paraguaio até esboçou uma reação, mas o Timão seguiu pressionando e ampliou aos 31. Em boa jogada pela esquerda, Vagner Love cruzou para Boselli completar para o fundo das redes.

Na volta do intervalo, o Guaraní descontou logo aos sete minutos, com Fernando Fernández, de falta. Mesmo com o placar a seu favor, o Corinthians ainda precisava de mais um gol para avançar. A equipe brasileira seguiu buscando chances e pressionando. Uma das boas oportunidades foi na cobrança de falta de Luan, que viu a bola raspar a rede pelo lado de fora e arrancou gritos de gol na arquibancada. A pressão durou até o apito final, mas não foi o suficiente para a classificação.

Ao deixar o campo, Love lamentou a eliminação do Corinthians, agradeceu o apoio do torcedor e exaltou o empenho da equipe na partida.

– Pedir desculpas ao torcedor que veio aqui e nos apoiou do começo ao fim. A culpa é só nossa, dos jogadores. É difícil falar, dar uma explicação. A gente fica muito triste, queríamos muito estar na Libertadores. Nos cobramos muito, trabalhamos muito para isso acontecer. Mas, infelizmente, hoje não foi o nosso dia. Em momento nenhum deixamos de lutar – disse o atacante.

CBF Notícias.