Defesa Civil monitora nível de água no Rio Aquidauana e já tem plano de ação em caso de enchente

A Coordenadoria Estadual de Defesa Civil está monitorando o nível de água do Rio Aquidauana. Na última aferição realizada no início da tarde desta sexta-feira (24.01), o nível de água estava em 4,90 metros. O nível normal do rio é de 3,30 metros, e a partir de 7 metros entra em estado de emergência, conforme o coordenador da Defesa Civil de Aquidauana, Mário Ravaglia.

Além do monitoramento frequente, a Defesa Civil em parceria com Corpo de Bombeiros Militar (CBMMS), Exército Brasileiro (EB), Prefeitura Municipal e órgãos competentes, já está com tudo pronto caso o nível do rio suba, e haja necessidade de retirada das famílias ribeirinhas que vivem na região. “Já temos um plano de ação para uma possível enchente. Mas por enquanto está sob controle. A chuva parou, e seguimos monitorando”, destaca Ravaglia.

A maior inundação já registrada na região, foi em fevereiro de 2018, quando o nível do rio Aquidauana chegou 10,45 metros. Na época 1.050 pessoas foram afetadas pela enchente.

O volume de chuvas esperado para o mês na região era de 197,5 milímetros, mas conforme registro da Agência Nacional de Águas, a quantidade de chuva registrada até o momento, é de 214,4 milímetros, superando em 8,5% o volume de chuvas esperado para o período.

De acordo com a coordenadora do Centro de Monitoramento do Tempo e do Clima (Cemtec), Franciane Rodrigues, a previsão do tempo para Aquidauana é de tempo firme com céu parcialmente nublado a claro pelo menos até terça-feira (28.01).

“Neste período as temperaturas terão tendência de elevação com mínima de 21°C e máxima de 34°C. As pancadas de chuvas, a princípio de fraca intensidade, retornam a região a partir de quarta-feira (29) e mantendo a previsão de ocorrência de chuvas até início de fevereiro”, detalha.

Conforme o coordenador da Defesa Civil Estadual, Coronel Fábio Catarinelli, outras regiões do Estado, como Rio Taquari em Coxim, estão sendo monitoradas pela instituição.

Avisos à população

A Defesa Civil orienta, que as pessoas que residam em áreas de risco, permaneçam em estado de alerta e acompanhem diariamente a previsão do tempo.

O cadastro no serviço de SMS da Defesa Civil para receber alertas e avisos é gratuito. Basta enviar uma mensagem de texto para o número 40199 com o CEP da residência. Feito o cadastro, o telefone e o endereço serão incluídos automaticamente na lista de envio dos alertas de possíveis fenômenos adversos de tempo.

Mireli Obando, Subsecretaria de Comunicação (Subcom)

Foto: Samara Oliveira (O Pantaneiro)