Detran-MS alerta: deixar transferência e pagamento de veículos de outros Estados para última hora pode causar transtornos

Com a chegada do último mês do ano, o Detran-MS (Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul) alerta para que os usuários que precisam efetivar a transferência de veículos de outros Estados não deixem o serviço para última hora. Isso porque as guias demoram mais que o normal para receberem baixa pelo sistema, o que pode causar transtornos, principalmente para as pessoas que pretendem viajar.

O Chefe da Divisão de Cadastro de Veículos do Detran-MS, Arioldo Centurião Junior, reforça a importância de não deixar que as transferências sejam feitas na última semana do mês. “Sugerimos que esse serviço seja feito antes desse período como maneira de prevenir possíveis incômodos”, salientou.

Ele explica ainda que os veículos de outros Estados também podem demorar para ter a baixa em seus débitos de origem, já que os pagamentos demoram em média de dois a quatro dias úteis para compensar e informar a base nacional de dados. Somente em dezembro do ano passado, o Detran-MS efetivou a transferência de 3.091 veículos em todo o Estado.

Vivianne Nunes