Empresários de Ponta Porã se unem em pró de associativismo forte

Desde do último semestre de 2019, um Grupo de empresários estão debatendo o futuro do Associativismo em Ponta Porã

Desde do ultimo semestre de 2019 um Grupo de empresários estão debatendo o futuro do Associativismo em Ponta Porã.

O Objetivo do Grupo é demonstrar a união da classe, por ser a classe que mais contribui na geração de empregos diretos e no recolhimento de impostos, ou seja, é a que gera mais renda e recursos para o município e população local. Com isso, usar a força do associativismo entre a classe e sua representatividade se torna legitimo fazer valer seus diretos e deveres na busca de soluções para melhorar ainda mais o desenvolvimento sócio econômico de Ponta Porã.

O Grupo é formado por empresários voluntários para trabalho de um modelo de planejamento estratégico com base no BALANCED SCORECARD ( O BSC Balanced Scorecard é um conjunto de objetivos que proporciona a todos os envolvidos uma visão rápida e abrangente da estratégia da empresa) para ser aplicado em uma possível gestão da Associação Comercial e Empresarial de Ponta Porã.

A fim de fundamentar o estudo, está sendo elaborada a revisão bibliográfica, abordando o processo de formação da estratégia, o planejamento estratégico. O estudo aplicado sobre o BALANCED SCORECARD envolve a aplicação de um conjunto de entrevistas (conversas) com integrantes da diretoria, associados, colaboradores e principalmente os não associados, para melhor entendimento sobre o processo do planejamento estratégico da entidade, que servirá de base para o modelo proposto de indicadores estratégicos dentro das quatro perspectivas: Associado, Econômico, Processos internos e aprendizado e crescimento.

O modelo ainda a ser definido e proposto tem por objetivo fornecer subsídios para sugerir melhorias do ponto de vista de futuro e de como se movimenta os ASSOCIADOS E SEUS CLIENTES, na condução do processos de satisfação e contra partida, quanto a importância de fazer parte desta entidade. O andamento dos trabalhos indicam que o método é uma ferramenta que pode auxiliar a traduzir a estratégica da entidade em objetivos e medidas operacionais capazes de gerar resultados a curto (3anos), médio (6anos) e longo prazo (anos).