Governo do Estado garante escoamento com boas estradas na região de Jardim

Fotos: Saul Schramm

Importantes vias de escoamento de produção estão recebendo manutenção na região de Jardim, com o Governo do Estado aplicando recursos do Fundersul (Fundo de Desenvolvimento do Sistema Rodoviário de MS) em serviços de revestimento primário e patrolamento em execução pela Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos).

Com o período de colheita da safra de soja, a Agesul de Jardim priorizou a recuperação da pista e implantação de cascalho em 38 quilômetros da MS-166 (ligação com a MS-270 e MS-384), onde se concentram grandes áreas de agricultura. É intenso o movimento de colheitadeiras e caminhões na região, com a estrada permitindo tráfego normal e seguro.

MS-382 recebe serviço de raspagem da pista e implantação de caixas de contenção de águas pluviais

“O revestimento primário, incluindo a implantação de caixas de contenção de águas pluviais, vai permitir um fluxo tranquilo no pico da colheita, que é escoada para várias regiões, como Jardim, Maracaju e Ponta Porã. Por isso, a preocupação do governo em garantir que a saída da produção possa fluir normalmente”, disse Mano Escobar, residente da Agesul em Jardim.

Manutenção

Na mesma região, a Agesul realiza a manutenção de outras estradas que integram a rede de escoamento, cujos serviços são executados pela empresa CG 2000 Engenharia. Foram restaurados 38 quilômetros da MS-270 (ligação com a MS-166 e MS-164) e 26 quilômetros na MS-339, esta atendendo a vários assentamentos rurais entre Bonito e Bodoquena.

Estão em recuperação, com previsão de conclusão em abril, 25 quilômetros da MS-382 (acesso à MS-164, pela MS-270), a partir da ponte de concreto construída pelo Governo do Estado no Rio Santo Antônio, em Guia Lopes da Laguna. O cascalhamento da MS-270, que se interliga à BR-060, beneficiará também a região da Cabeceira do Apa.

Texto: Sílvio de Andrade – Subsecretaria de Comunicação (Subcom)

Fonte: Governo de MS