Unicamp é alvo de ataque hacker e tem dados privados vazados

A Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) admitiu, na última quinta-feira (23), que foi alvo de um ataque hacker, violando alguns de seus sistemas computacionais e resultando no vazamento de dados privados. O incidente foi comunicado às autoridades competentes.

Segundo a instituição, a ação foi detectada nos sistemas da Diretoria Acadêmica (DAC), mas não está descartada a possibilidade de que outros sistemas online da universidade tenham sido afetados por este ataque cibernético.

Na nota, a Unicamp revela ainda que a Coordenadoria Geral de Tecnologia de Informação e Comunicação (CITIC) já designou uma equipe de profissionais especializados para tentar descobrir as motivações do incidente e verificar qual é a real extensão dos danos causados.

Uma das medidas de contingência tomadas foi retirar do ar o site da Diretoria Acadêmica. E de acordo com a reitoria da Unicamp, não é necessária, pelo menos por ora, qualquer ação dos usuários do sistema da universidade.

Dados vazados
Por enquanto, a instituição de ensino sediada na cidade de Campinas, no interior de São Paulo, não deu maiores informações a respeito de quais tipos de dados foram parar nas mãos dos responsáveis pelo ataque cibernético.

Órgão central da universidade, a DAC é a responsável por realizar o registro e o controle das atividades relacionadas à administração acadêmica. O recebimento das matrículas é um dos trabalhos feitos na unidade, assim como a emissão do cartão universitário, a manutenção de arquivos e as inscrições de alunos especiais.

A Unicamp afirmou que manterá a comunidade informada sobre as novidades na investigação do caso e na tarefa de contenção dos danos, além de comunicar aos usuários a respeito de possíveis ações individuais, caso necessário.