Campo Grande / MS - segunda-feira, 2 de agosto de 2021
(67) 99890-6610

Prefeitura define três linhas de estudo para plano de ação de intercâmbio com Argentina

Publicado em: 22/07/2021 - 3:50

Campo Grande segue com a etapa da estruturação do plano de ação e o texto do projeto de Lei do acordo bilateral de cidades-irmãs entre os municípios de Campo Grande e San Salvador de Jujuy – Argentina. Nesta manhã (22), o Grupo Especial de Trabalho (GET) para estudo, estruturação, execução, acompanhamento e fiscalização do acordo se reuniu na Secretaria Municipal de Inovação, Desenvolvimento Econômico e Agronegócio (Sidagro) para criação das comissões temáticas nas matérias de “cadeias econômicas e produtivas”, “cultura e turismo” e “ciência, tecnologia e inovação”.

O acordo visa, principalmente, fortalecer o Corredor Rodoviário Bioceânico mediante a integração dos territórios, ampliação e diversificação das relações comerciais e promoção de novas oportunidades de investimento, emprego e renda.

“Foram apresentadas as potencialidades no tocantes às cadeias econômicas e produtivas locais como cervejas (artesanais ou industrializadas, as chamadas cervejas de massa), sementes de pastagens e carne bovina (resfriada ou congelada) entre outros. Houve também discussões sobre ciência, tecnologia e inovação no âmbito do município de Campo Grande”, afirma Paulo César Fialho, gerente de Promoção de Campo Grande no Exterior, da Superintendência de Comércio Exterior da Sidagro.

Após análise dos dispositivos que visam a integração econômico-social das referidas cidades, o GET aprovou de maneira unânime a minuta do projeto de lei que declara “cidades irmãs” as cidades de Campo Grande e San Salvador de Jujuy, na Argentina, e que em breve será encaminhada para análise da Câmara Municipal, cumprindo o que dispõe resolução publicada dia 30 de junho.

Plano de Ação

A próxima reunião será no mês de agosto, e espera-se a apresentação das potencialidades locais na temática da cultura e turismo, além da construção conjunta de um plano de trabalho que está em discussão pelos membros do GET que representam a Sidagro, Sectur e Sugepe. Ainda, no seguimento dos trabalhos, após a apresentação das potencialidades da Capital, serão debatidos os interesses e carências de Campo Grande.

Fonte: Prefeitura de Campo Grande



Desenvolvido por Argo Soluções