Campo Grande / MS - domingo, 17 de outubro de 2021
(67) 99890-6610

Rodada de negócios na FIEMS apresenta produtos made in MS a empresários paraguaios

Publicado em: 23/09/2021 - 10:40

De bolsas de couro pantaneiro a alimentos prontos com sabor da fazenda. Produtos com selo de Mato Grosso do Sul foram apresentados a um seleto público de empresários paraguaios na última quarta-feira (22/09), durante o Seminário Brasil Paraguai, promovido na Casa da Indústria, em Campo Grande. Ao todo, 11 empresas sul-mato-grossenses apresentaram seus produtos e serviços à comitiva paraguaia que participou do evento.

Em meio à pandemia, a empreendedora Zanir Furtado viu no couro bovino uma oportunidade de criar bolsas de luxo. O processo de criação é artesanal e alia sustentabilidade e design exclusivo para atender o exigente mercado feminino. O negócio, iniciado em dezembro do ano passado no município de Rio Negro, cresceu rapidamente e já começa a despertar a atenção de clientes do Brasil e do exterior.

Zanir Furtado conta com o apoio do Sistema FIEMS, por meio do Centro Internacional de Negócios (CIN), nessa etapa. “A marca surgiu da necessidade de empoderar as pessoas da região e gerar valor para o couro do gado pantaneiro. Como a indústria acabou de nascer, estamos neste momento criando conexões para começar a exportar. Essa parceria com FIEMS, CIN e SEBRAE é incrível, pois estão me ajudando a buscar as parcerias corretamente e de forma sustentável”.

Sistema FIEMS dá suporte a empresas que querem expandir negócios

Quem também recebe suporte do Sistema FIEMS para expandir os negócios é a Rural Foods, criada em 2018 com foco no fornecimento de refeições tanto para empresas como para o público em geral. A fábrica em Campo Grande opera com modernos processos de ultracongelamento, o que preserva todas as características do alimento. Sem usar conservantes ou realçadores de sabor, a Rural Foods dispõe de mais de 30 pratos prontos – bobó de frango, caldo de mandioca, arroz de tilápia e farofa com bacon e banana da terra são algumas das opções.

O fundador Pedro Aiolfi Belo comemora o apoio recebido pelo Sistema FIEMS e espera expandir a carteira de clientes em breve.

“Nós tivemos a oportunidade de participar do processo de internacionalização de PMEs (pequenas e médias empresas), o que tem sido valoroso para a empresa. Queremos mostrar ao mercado as novas ideias e tecnologias dos produtos feitos aqui no Estado. Esse convênio entre CIN, FIEMS e SEBRAE tem nos proporcionado essa experiência de participar da rodada de negócios para conquistar novos clientes e parceiros”.

O hall da Casa da Indústria serviu como salão de exposição de produtos e serviços para as seguintes empresas: Zanir Furtado, PH Cosméticos, Mel Bodoquena, Sigo Homeopatia, Café Agricultor, Rural Foods, Imperial Cutelaria, Aço e Aço, Vó Ermínia, Corpobelo e Mix Nutri.

Interessados em vender ao exterior contam com apoio do CIN

Empresas interessadas em ampliar as vendas podem procurar o CIN, órgão do Sistema FIEMS que há duas décadas presta um serviço especializado para quem deseja vender seu produto no mercado externo.

O principal foco são os pequenos empresários, mas têm dificuldades com os trâmites legais e a estruturação da empresa para iniciar o processo de negociação. São realizados estudos de inteligência comercial internacional, que auxiliam a empresa a encontrar mercados potenciais no exterior, analisar o mercado alvo, identificar clientes no exterior, proporcionar o intercâmbio comercial do seu produto e analisar a concorrência.

Mais informações sobre os serviços oferecidos pelo Centro Internacional de Negócios podem ser consultadas na página http://www.cinms.com.br/ ou pelo telefone (67) 3389-9150.

Fonte: FIEMS



Desenvolvido por Argo Soluções