Campo Grande / MS - sexta-feira, 23 de abril de 2021
(67) 99890-6610

Carrinha com 52 migrantes entra em Espanha após derrubar barreiras de segurança na fronteira

Publicado em: 18/11/2019 - 10:47

Veículo transportava 34 homens, 16 mulheres e duas crianças. Quatro dos migrantes ficaram com ferimentos ligeiros e precisaram de receber assistência médica

Uma carrinha com 52 migrantes irrompeu pela fronteira espanhola em Ceuta a alta velocidade, derrubando as portas metálicas que marcam a fronteira entre Marrocos e Espanha. O uso desta técnica para entrar ilegalmente em Espanha não é inédito, mas nunca havia acontecido com tantas pessoas a bordo.

Entre os migrantes, todos oriundos da África subsaariana, contavam-se 34 homens, 16 mulheres e duas crianças, uma de seis anos e outra de cinco meses, ambas acompanhadas pelas mães. Parte dos ocupantes foi intercetada na praia El Tarajal, a cerca de um quilómetro da fronteira, e já em território espanhol.

Após o derrube das barreiras de segurança, alguns ocupantes da carrinha fugiram, enquanto outros se deixaram ficar na zona da fronteira. Entre eles, quatro apresentavam ferimentos ligeiros, como uma torção no tornozelo, outra no joelho, dores abdominais e vómitos. Receberam uma primeira assistência no momento da chegada da equipa de emergência médica da Cruz Vermelha espanhola, tendo sido depois encaminhados para o Hospital Universitário mais próximo. Ainda assim, a equipa da instituição humanitária, que distribuiu roupa e calçado secos, relatou o “bom estado geral de saúde” dos migrantes.

O incidente deu-se na madrugada desta segunda-feira e ainda não se sabe ao certo quais as consequências para os envolvidos. No ano passado, um outro condutor, que fez entrar 14 pessoas em Espanha da mesma forma, foi condenado a um ano e meio de prisão, além do pagamento de duas multas, de 450 e 225 euros, por falsificação de documentos e atentado contra os direitos de cidadãos estrangeiros.

Desenvolvido por Argo Soluções