Starbucks abre primeira loja do Centro-Oeste no aeroporto de Brasília

Marcas internacionais e marcas bem brasilienses vão desembarcar no Aeroporto Internacional de Brasília até dezembro. Starbucks, Dunkin’Donuts, Pizzaria Dom Bosco e o Dog da Igrejinha são algumas delas. Outras também estão em negociação. E mais surpresas vêm por aí.

Confira na coluna da Samanta Sallum.

A loja do aeroporto de Brasília será a primeira da cafeteria Starbucks no Centro-Oeste. E não será apenas uma. Já chega com duas unidades. Uma, que terá dois andares, será aberta em frente ao terminal de desembarque doméstico. E a outra vai inaugurar um novo complexo, a Praça Pick Up.

Playground e eventos

O novo espaço, construído ao ar livre, entrou em fase de teste operacional há 10 dias. As lojas ainda não abriram. Mas, em breve, haverá bares, playground para as crianças, lounge de locadoras e até eventos culturais.

Transporte

A praça foi planejada como um ponto exclusivo para o passageiro pedir e aguardar transporte. O objetivo é desafogar o trânsito na via em frente ao terminal. Vans, ônibus de turismo e carros alugados também buscarão os passageiros nesse setor.

1,4 milhão de veículos de aplicativos e de transporte em geral circulam por ano no aeroporto.

“A praça será um hub onde as pessoas poderão esperar confortavelmente seu transporte, com infraestrutura para trabalhar, fazer um lanche e até brincar com o filhos”, explica Ian Joels, diretor comercial da Inframerica

Não só para passageiros

A Praça Pick Up fica a 50 metros do terminal, bem em frente aos pontos de táxi. É coberta para garantir proteção contra a chuva. Porém o conceito do espaço vai além, segundo a administradora do aeroporto, a Inframerica. Não foi criado apenas para oferecer mais conforto e opções de alimentação aos passageiros. Mas, sim, para atrair um público de brasilienses em geral, que poderá usufruir do local sem ter de entrar no aeroporto.

Homenagem aos 60 anos
A ideia de levar marcas simbólicas de Brasília para a Praça Pick Up, como a Pizzaria Dom Bosco e o Dog da Igrejinha, foi uma forma de a Inframerica homenagear os 60 anos da capital e criar uma ligação mais afetiva com o brasiliense.

Em Giro
Acordo para a W3
O Detran vai ajudar a solucionar a divergência entre comerciantes da W3 e o GDF por causa do fechamento, para área de lazer, aos domingos e feriados. Será possível liberar pequenos trechos de acesso para que veículos possam chegar até os supermercados que funcionam na via.

Corredor cultural
Representantes do Sindicato dos Supermercados (Sndisuper DF) se reúnem hoje à tarde na Fecomércio para resolver a questão da W3. Parte do setor se sentia prejudicado com o trânsito fechado na via aos domingos. E a Fecomércio aposta no projeto de corredor cultural para revitalizar a W3. Um acordo para conciliar os setores já está bem encaminhado e deve sair hoje.

Simplifica PJ
Até dezembro, será inaugurado o Simplifica PJ no Gama e em Sobradinho. A ideia é que todas as regiões administrativas tenham uma unidade. A Secretaria de Empreendedorismo do DF quer facilitar o atendimento aos empresários, para que não precisem fazer grandes deslocamentos na hora de resolver questões burocráticas.

Com a pandemia, o atendimento está sendo todo realizado por enquanto pela internet. Por ano, ocorrem 150 mil atendimentos, mas atualmente só são realizados em Taguatinga.

Cozinha Lucrativa
No mercado há 35 anos, o chef Dudu Camargo inovou e lançou o primeiro treinamento on-line com sua marca. A proposta do Cozinha Lucrativa é incentivar novos negócios, expandir a gastronomia e colaborar com as pessoas que curtem cozinhar no dia a dia. O treinamento é composto por nove aulas, nas quais os participantes terão acesso a oito receitas elaboradas pelo chef, além de dicas de gestão comercial.

Redes Sociais
Nos siga no Google Notícias   Autor e Fonte: Jornal Eletrônico em Mato Grosso do Sul - Tereré News
Por Chico Oliveira/Tereré News   Empresa Jornalística    ouça este conteúdo   Edição Impresa.