Serviço de planilhas do Google vai receber sistema de preenchimento automático

Conforme os dados são digitados, o sistema vai oferecer opções para completar automaticamente as informações

O Google anunciou nesta terça-feira (30) algumas atualizações para o serviço de planilhas da empresa. O objetivo das implementações é o de facilitar a criação de documentos e a análise dos dados preenchidos.

Talvez o recurso mais interessante da atualização é o chamado “Smart Fill”. Pense nele como um sistema de preenchimento automático para planilhas. A ideia é que a funcionalidade, que deve ser lançada até o fim do ano, mostre opções para completar os dados automaticamente.

“Digamos que você tenha uma coluna de nomes completos, mas deseja dividi-la em duas – nome e sobrenome, por exemplo. Quando você começa a digitar os nomes em uma segunda coluna, o sistema detecta automaticamente o padrão, gerando uma correspondência de preenchimento automático”, declara o Google.

 

smartfill_short_demo.gifPossíveis correspondências para preenchimento de coluna serão mostrados pelo sistema. Gif: Google

O interessante a se observar aqui é que o sistema não preenche automaticamente a coluna, mas cria uma fórmula para preenchê-la, oferecendo bastante flexibilidade para manipular os dados conforme necessário.

O segundo novo recurso é chamado de “Smart Cleanup” e ajuda os usuários a limpar os dados presentes em documentos. Com ele é possível encontrar linhas duplicadas e problemas de formatação. A ferramenta ainda vai sugerir alterações que os utilizadores podem aceitar ou ignorar.

Por fim, o Google vai oferecer conexão do serviço de planilhas com o BigQuery, um data werehouse que permite análises de informações. Com a implementação, será possível verificar petabytes de dados em planilhas sem precisar conhecer SQL ou qualquer outra linguagem de programação.

A ideia é democratizar o acesso à análise big data, oferecendo a qualquer pessoa em uma empresa a capacidade de analisas esses dados e criar gráficos a partir deles. A funcionalidade já está disponível para usuários do G Suite Enterprise, G Suite Enterprise for Education e G Suite Enterprise Essentials.

Via: TechCrunch e Olhar Digital

Redes Sociais
Nos siga no Google Notícias   Autor e Fonte: Jornal Eletrônico em Mato Grosso do Sul - Tereré News
Por Chico Oliveira/Tereré News   Empresa Jornalística    ouça este conteúdo   Edição Impresa.