Campo Grande / MS - sábado, 12 de junho de 2021
(67) 99890-6610

Meteorologia prevê réveillon com instabilidade climática em MS

Publicado em: 31/12/2020 - 8:11

A previsão para praticamente todos os municípios do Estado é de instabilidade climática na passagem do ano novo, como mostra os dados do Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE).

Quem optou, por exemplo, em viajar para cidades turísticas como Bonito, Jardim, Corumbá e Rio Verde de Mato Grosso, deve estar preparado para o clima instável nos dias 31 de dezembro e 1º de janeiro.

Previsão do Inpe para Campo Grande. Clique aqui
Na Capital a quinta-feira (31) terá 80º possibilidade de chuva, com temperaturas entre 22ºC e 29ºC. No primeiro dia do ano, a probabilidade de chuva também é de 80% e as temperaturas um pouco mais amenas, entre 22ºC e 28ºC.

Em Bonito, um dos locais mais preferidos pelos turistas de MS e de outros estados e países, a passagem do ano poderá ter a mesma condição da Capital, com 80% de possibilidade de chuva no dia 31, com temperaturas entre 22ºC e 33ºC. Já no dia 1º de janeiro, há 80% de possibilidade de precipitação pluviométrica e as temperaturas será entre 24ºC e 30ºC.

Também pode chover em Corumbá, com 80% de possibilidade de chuvas nos dias 31 e 1º.No dia 31, a temperatura máxima está prevista em 34ºC e a mínima em 25ºC; já no dia 1º a mínima deve ficarem 24ºC e a máxima pode chegar a 35ºC.

No município de Jardim tanto na quinta como na sexta-feira a clima será chuvoso, com probabilidade de 80% para os dois dias. A temperatura mínima prevista em 22ºC e a máxima deve atingir 34º, enquanto no primeiro dia do ano, a máxima prevista é de 30ºC e a mínima em 24ºC.

Do mesmo modo, em Rio Verde de MT serão dois dias de fortes chuvas. No dia 31, por exemplo, há 80% de possibilidade de chuvas periódicas, com temperaturas entre 22º e 33ºC. No primeiro dia de 2021, as temperaturas ficam entre 21º e 33ºC.

Medidas de biossegurança

Independentemente da condição climática, o turista ou até mesmo quem optar por permanecer em sua cidade deve observar as medidas de segurança contra o coronavírus, assim como o toque de recolher válido para todo o Estado.

O toque de recolher vai até o dia 09 de janeiro de 2021 e a fiscalização será feita pela Polícia Militar, Corpo de Bombeiros Militar, Vigilância Sanitária Estadual e municipais e Guardas Municipais. Os cidadãos não poderão sair de casa entre 22h e 5h. Há exceção em casos de trabalho e emergência médica. Serviços não essenciais como bares e restaurantes devem permanecer fechados durante o horário de restrição.

Quem vai viajar, ou precisa ir ao comércio, supermercados, entre outros, tem que observar as medidas de biossegurança, como o uso de máscaras, distanciamento social e higienização das mãos com o álcool em gel 70º.

Por: Ana Brito, Subcom

Fonte: Governo de MS



Desenvolvido por Argo Soluções